Skip to content.
 
     
 HOME   
 
 
Eventos
Do
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31    
Contactos

Av. D. Dinis, nº 17
Apartado 257
2431-903 Marinha Grande

Tel:(+351) 244 575 150
Fax:(+351) 244 575 159
 

A Indústria de Moldes em Portugal: Exportações atingem número recorde em 2016

Uma indústria dinâmica, na vanguarda da tecnologia e da excelência, e que disponibiliza soluções inovadoras e integradas para o mercado global. Assim se caracteriza a indústria de moldes e ferramentas especiais em Portugal.

O Sector tem registado um crescimento assinalável nos últimos cinco anos, que se tem traduzido num acréscimo no valor das exportações que, em 2016, ascendeu a 626 milhões de euros. Ou seja, atingiu, pela quinta vez consecutiva, um valor recorde, ultrapassando pela primeira vez na sua história a barreira dos 600 milhões de euros. Face a 2010, por exemplo, representa um crescimento de 92%.

Atualmente o terceiro maior produtor europeu e oitavo a nível mundial, o Sector é composto por cerca de 450 empresas, maioritariamente localizadas em duas regiões (Marinha Grande e Oliveira de Azeméis) e que integram aproximadamente 9.000 trabalhadores.

Os empresários desta indústria cedo souberam associar-se e, em conjunto, procurar soluções para os seus problemas e carências. A Associação Nacional da Indústria de Moldes (CEFAMOL) tem sido uma peça fundamental nesta estratégia de desenvolvimento, permitindo através dela, analisar o Sector e tendências de evolução, identificar desafios e constrangimentos, mas também, em conjunto, definir metas, criar soluções e alcançar oportunidades.

Inovação e tecnologia

É um Sector inovador. De alta intensidade tecnológica. As empresas portuguesas são fornecedoras de soluções globais e oferecem um serviço totalmente integrado, composto por uma cadeia de valor alargada que engloba competências especializadas: desde o design, engenharia e desenvolvimento de protótipos ao fabrico de moldes (incluindo a especialização em moldes de grande dimensão, precisão e micromoldes), ferramentas especiais, injeção e montagem de produtos e componentes.

Portugal é internacionalmente reconhecido como um dos principais produtores de moldes de precisão para a indústria de plásticos e tem aumentado, cada vez mais, a sua cadeia de valor, a montante e a jusante, com competências especializadas na área do design e engenharia até à produção de peças finais.

A indústria automóvel é o principal mercado para a maioria destas empresas, sendo responsável por mais de 70% da produção.

A Espanha foi, em 2016, o principal país-destino das exportações de moldes portugueses, destronando a Alemanha que, no ano anterior, detinha a primeira posição. Espanha representa 22% do total exportado, seguindo-se a Alemanha com 20% e a França com 16%.


Revista "O Molde"
Nº114 - julho 2017

Destaques

Estandardização

Fabrico Aditivo de Metais: Oportunidades e Desafios

Internacionalização em Cooperação: como construir novos horizontes

África do Sul: situação económica e perspetivas
Market Report
Nº17 - abril 2017

Destaques

Pré-Internacionalização

Negócio Arriscado

Hungria: um Mercado no Centro da Europa
Projectos
 
Ferramentas Pessoais