Esta plataforma utiliza cookies de terceiros para melhorar a experiência do utilizador e os serviços que prestamos. Ao continuar a navegar, consideramos que aceita a sua utilização.

Webinar aponta as vantagens do vácuo no processo de injeção

Voltar à listagem

Uma melhoria significativa no processo de injeção com a criação de vácuo no molde, foi apresentada por Rui Rocha, da Eurocumsa, no decorrer do webinar ‘Melhore o processo de injeção através do vácuo nas cavidades dos moldes’ que, organizado pela CEFAMOL, teve lugar no dia 18 de junho.


Tratou-se de mais um evento inserido no conjunto de webinares técnicos a decorrer durante o mês de junho. Esta sessão contou com a presença de uma plateia online composta por mais de 50 profissionais dos sectores de moldes e plásticos que colocaram várias questões ao orador.

Rui Rocha assegurou que “quem injeta, tem ganhos significativos com este processo” que, sublinhou, a sua empresa disponibiliza à indústria. Lembrou que, em muitos casos, o ar encerrado dentro da cavidade do molde “pode ser um problema”, comprometendo, até, a qualidade final da peça. A melhor solução para resolver esta questão, garantiu, passa “pela criação de vácuo na cavidade” o que, frisou, o sistema desenvolvido pela sua empresa “faz de forma bastante simples”.


Demonstrou a forma de funcionamento de toda esta operação, apresentando exemplos de casos reais, sublinhando que se trata de um sistema “simples e fácil de aplicar no molde”. E os resultados, destacou, atestados por algumas empresas passam pela “melhoria das linhas de união”, o “enchimento completo de ribes sem queimados”.


No final, afirmou, “a qualidade visual da superfície (da peça) tem ganhos interessantes”. Ou seja, concluiu, a criação de vácuo na cavidade permite obter “um produto final com maior qualidade”, “trabalhar com pressões mais baixas” na injeção, “menor manutenção do molde” e “índices de rejeição inferiores”.

Agenda