Esta plataforma utiliza cookies de terceiros para melhorar a experiência do utilizador e os serviços que prestamos. Ao continuar a navegar, consideramos que aceita a sua utilização.

Participação da CEFAMOL na feira da subcontratação automóvel em Marrocos com saldo positivo

Voltar à listagem

A CEFAMOL participou, juntamente com um grupo de empresas do sector, na Feira de Subcontratação para fornecedores da indústria automóvel em Marrocos, o “Salon Sous Traitance Automobile”, que se realizou entre os dias 25 e 27 de abril, na Tangier Free Zone, na cidade de Tânger.

 

No certame, as empresas Batista Moldes, Edaetech, Epedal, Moldit, Moldoeste II, Prifer e Uwin uniram-se numa representação nacional, onde marcaram presença institucional a CEFAMOL e a AFIA (Associação de Fabricantes para a Indústria Automóvel).

 

A participação saldou-se pela positiva. "Recebemos várias visitas de potenciais clientes, alguns já presentes no mercado de Marrocos e muitos outros a avaliar as hipóteses de entrar no mesmo", contou Patrício Tavares, representante da CEFAMOL que acompanhou esta representação, adiantando que, durante a feira, "contámos com a presença do representante da AICEP, Rui Cordovil, que aproveitou para fazer uma apresentação do mercado e esclarecer algumas dúvidas sobre o mesmo às empresas portuguesas". Patrício Tavares esclareceu ainda que o pavilhão de Portugal recebeu também uma visita do Ministro da Economia de Marrocos.

 

Com a participação nesta feira, a CEFAMOL teve como objetivos analisar a situação atual do mercado e identificar oportunidades de negócio e colaboração para as empresas, ao mesmo tempo que procurou consolidar parcerias estratégicas ao nível institucional. De acordo com Patrício Tavares, a deslocação permitiu concluir que "o mercado (de Marrocos) tem grande potencial e tem registado um forte crescimento em vários sectores, nomeadamente na indústria automóvel".

 

Saliente-se que esta deslocação surge na sequência de, em dezembro do ano passado, a CEFAMOL ter assinado um protocolo de colaboração com a AMICA (Associação Marroquina dos Fornecedores da Indústria Automóvel), no decorrer de uma missão que coincidiu com a realização da 13ª Cimeira Luso Marroquina. O documento então assinado entre as associações dos dois países prevê estreitar ainda mais as relações já existentes, desde há algum tempo, entre ambas. Uma das medidas que o documento preconizava era, precisamente, a participação portuguesa nesta feira, considerada de grande relevância para o sector automóvel local.

Agenda